Viagem Prática: Como Se Limitar à Mala de Mão

Hoje tem dica de viagem! Quem aí já estava com saudades?
Muitas vezes a gente acaba pecando na hora de arrumar a bagagem: dá pra encher várias malas grandes e levar apenas coisas que a gente não precisa e não vai usar. Alguém se identifica?

Por isso, hoje a dica é para montar uma mala compacta, versátil e que funcione muito bem em qualquer viagem de até uma semana! Melhor dizendo, o nosso desafio vai ser levar toda a bagagem em, apenas, uma mala de mão.
 

Monte os looks antes de viajar! Combine as peças na sua cabeça, imagine em que situação você vai usar cada uma delas. Deixe de lado aquelas peças que você acha que não vão com nada. Se você vai ficar só três dias, qual o sentido de levar cinco calças, por exemplo? Se atenha ao essencial.
 

Aquela roupa que você acha linda, mas não usa nunca porque acha que não fica bom aqui ou ali? Deixe em casa! Se você não usa ela no dia a dia, é melhor que ela não ocupe espaço na sua mala, já que você não vai usá-la na sua viagem também.
 

Não exagere nos cosméticos! Shampoos, condicionares, cremes e hidratantes podem ocupar um bom espaço e ainda fazer um grande peso a mais na mala – por isso, o ideal é dar preferência aos em travel size. Se o produto que você usa não tem, dá pra comprar potinhos menores e estoca-los ali. Fica bem mais prático e você vai reduzir bastante o espaço que seria ocupado.
 

Faça uma escolha inteligente de sapatos. Já vá com um par coringa e confortável e escolha outro que combine com tudo pra ir na mala! Nada de sapatos novos que ainda não foram testados – eles podem acabar se tornando uma dor de cabeça na viagem.
 

Sacolas a vácuo são ótimas para diminuir o volume! Além de deixar as peças de roupa mais compactas, elas ainda diminuem o peso e, de quebra, protegem o tecido durante o transporte.
 

Escolha uma bolsa grande! Sim, a sua bolsa do dia-a-dia também pode ser um ótimo lugar para levar algumas coisinhas – principalmente objetos mais frágeis, como notebook, câmeras e acessórios.

Trend Alert: Cropped

Hoje o assunto por aqui é moda e vamos falar sobre uma tendência que eu amo: o cropped!

O top cropped tem marcado presença em vários guarda roupas por ai e é uma peça que não pode ser deixada de lado nas altas temperaturas, já que oferece conforto e é bem fresquinha.
 

Como a maioria das trends que temos visto por ai, o top cropped fez sucesso nos anos 90 e era peça coringa de nomes de peso com Christina Aguilera, Britney Spears, Gwen Stefanni, Liv Tyler – entre tantas outras.

A dica, para não ficar datado, é sempre combinar a blusinha com peças de cintura alta, sem deixar o umbigo aparecer. Essa pequena faixinha de pele que fica amostra logo abaixo do busto é o truque para deixar o look mais sofisticado e não ir para o lado vulgar.
 

O cropped é uma peça mais descontraída, ideal para o dia a dia – mas tecidos mais trabalhados, como rendas e paetês, fazem com que ele possa ser usado até em situações que exigem roupas mais refinadas. Deem uma olhada em alguns exemplos!

Decor: Feng Shui e as Cores Pela Casa

Quem aí sabe o que é Feng Shui? Em tradução literal, o termo chinês significa “vento” e “água”. Em teoria, o Feng Shui é uma ciência chinesa, que perdura por longos anos e estuda os efeitos das energias dos ambientes sobre as pessoas, colocando-as em harmonia com o universo, e nos permitindo aproveitar, da melhor forma, das energias geradas por esse universo.

Combinando o Feng Shui com um assunto recorrente no blog – a decoração – hoje, vamos ver como podemos usar as cores ao nosso favor em diversos ambientes de nossa casa, seguindo o significado energético de cada um delas.
 

Amarelo
O amarelo remete-se ao ouro e, por isso, representa a riqueza. Além disso, também é relacionada à tolerância e à sabedoria. Acredita-se que o amarelo acelera as energias, sendo uma boa escolha para trazer alegria e vivacidade. A cor é indicada a ser usada em escritórios ou ambientes de estudo, especialmente por sua relação com a sabedoria.
 

Azul
Harmonia, tranquilidade e paz. Quando pensamos na cor azul, logo, pensamos também no mar – e suas profundezas simbolizam o poder da intuição e do inconsciente. O azul claro atrai a paz, enquanto o esverdeado é associado à positividade. A cor é indicada para salas, quartos, bibliotecas e espaços de meditação.
 

Verde
O verde simboliza as conquistas, a realização de sonhos, de projetos, as inspirações e o inicio de novas etapas. Ele renova as energias e marca o inicio de um novo ciclo – por isso, é ideal para, por exemplo, os quartos de crianças ou uma nova casa.
 

Roxo
O roxo é a mistura do vermelho e do azul e, por isso, representa o equilíbrio entre o amor e a sabedoria, a mente e o espirito. É, também, a cor da dignidade e respeito, possuindo uma conotação espiritual muito forte e representando a profundeza das meditações e o silêncio das preces.
 

Vermelho
Considerada uma cor forte, representa a paixão, o calor, a energia. Ele traz vitalidade, poder, força. O vermelho não é indicado para ser usado nos quartos, pois, por ser uma cor muito energética, pode trazer consigo insônia e irritabilidade. Além disso, é indicado utiiza-la em pequenos detalhes nos outros ambientes da casa.
 

Rosa
Amor, felicidade, romance. Sendo a mistura do vermelho com o branco, a cor representa a união da terra com o céu, do material com o espiritual. É indicada para os quartos de casal e para as entradas das casas.
 

Cinza
Sendo a junção do preto com o branco, cinza simboliza o equilíbrio e a solução de conflitos. Por isso, os ambientes comuns, como salas e cozinhas, são indicados para receber a cor.
 

Preto
A cor preta indica profundidade. Sabedoria, intelecto e forte conexão espiritual. Assim como o vermelho, é indicado que se use o preto e pequenos detalhes, já que acredita-se que seu uso em excesso pode deixar as pessoas mais sombrias e pessimistas. Uma boa ideia é combina-lo com o branco.
 

Branco
Branco simboliza a paz. A pureza, a espiritualidade e a limpeza. Indicado para cozinhas e banheiros, também é bom para ser aplicado em portas, janelas e molduras. No entando, acredita-se que os ambientes que possuem a cor em excesso, pode acabar acelerando a nossa energia vital (chamada de chi) e causar ansiedade.

A Volta do Lip Gloss

Se há pouco tempo a gente mergulhava na tendência dos batons mattes e makes opacas, a nova aposta dos lábios chegou pra mostrar que tudo tem a sua vez no universo beauty. O gloss voltou com tudo, e voltou pra ficar.

Resgatado dos anos 90, o produto veio sendo visto aos poucos nas passarelas e não demorou para que tomasse conta das ruas. O efeito molhado é a aposta para a estação mais quente do ano, já que o brilho tem tudo a ver com o verão.
 

A maior vantagem é que o gloss é um produto versátil, e difícil de ficar too much. Ele pode ser usado sozinho, apenas para dar um charme nos lábios, adicionando um leve brilho – como cai muito bem quando colocado por cima de batons, das tonalidades mais claras até as mais escuras.
 

A dica para não pesar o visual é se prender a um olho sem tanto brilho, com sombras opacas. O ideal é criar um único ponto de luz no rosto – os lábios – se não, a make pode ficar com muita informação de uma só vez. Vamos ver algumas inspirações?

MTV EMA 2017

A gente mal falou do Meus Prêmios Nick e já tem mais premiação na área! O MTV Europe Music Awards rolou ontem em Londres. O evento celebra, anualmente, os destaques da música ao longo do ano, focando nos artistas, músicas e videoclipes mais populares na Europa. O EMA é considerado o segundo prêmio mais importante promovido pela MTV, ficando atrás apenas do MTV Video Music Awards, o consagrado VMA.

Uma curiosidade é que o EMA com maior audiência fora a edição de 2003. Com uma marca impressionante de 9,3 milhões de espectadores, a noite foi comandada pela cantora Christina Aguilera, que além de apresentar o prêmio, ainda fez uma performance e levou um prêmio pra casa, sendo ainda, mais tarde, eleita a melhor apresentadora da historia da premiação. Britney Spears também fez história no evento: em 1999, a princesa do pop se tornou a primeira artista da história a ganhar quatro categorias em uma única edição do EMA.

O EMA 2017 foi apresentado por Rita Ora – que causou ao entrar o tapete vermelho usando um roupão! Dentre os momentos que brilharam, estão Eminem apresentando sua nova música, “Walk On Water” e a banda Coldplay vencendo pela terceira vez consecutiva na categoria “Artista do Rock”.
E também teve espaço para os artistas do nosso país! Concorrendo ao lado de Alok, Nego do Borel, Projota e Karol Conka, quem levou o título de “Melhor Artista Brasileira” foi Anitta.
 

Na edição desse ano, o grande destaque da noite foi o cantor canadense Shawn Mendes, que levou pra casa três prêmios dos cinco que concorria. As categorias foram “Melhor Canção”, “Melhores Fãs” e o título máximo da noite, “Melhor Artista”.
 

A surpresa ficou por conta de Taylor Swift. A cantora e queridinha dos awards tinha o recorde de indicações: 6 no total. Porém, Taylor, que acabou de lançar seu novo álbum “Reputation”, terminou a noite sem nenhuma estatueta nas mãos.
 

LOOKS
E, como é de praxe por aqui, a gente termina esse post conferindo o que rolou de melhor no quesito moda. Como foi citado ali em cima, a surpresa da noite foi Rita Ora atravessando o tapete com nada mais, nada menos do que um roupão. Para entrar pra história, com certeza! Entre vestidos compridos e curtinhos, teve muito espaço para conjuntinhos calça + blusinha/cropped/blazer. Bora conferir?