Estilo

Vestidinho no Inverno: Como Usar

O vestidinho é uma peça confortável, fácil, funcional, bonita e que toda mulher tem no guarda roupa! Mas, quando as temperaturas caem, sempre vem a duvida de como adaptar a peça à estação.

Pernas de fora não são sempre a melhor ideia no frio, porém, alguns truques podem nos ajudar. Meias calças coloridas – marca registrada da Blair Waldorf em Gossip Girl, quem lembra? – voltaram com tudo e são um jeito diferente, divertido e estiloso de complementar a peça. As botas de cano alto também podem ser boas aliadas, já que, além de esquentar, elas deixam qualquer look a cara do inverno. Por último, os casacos compridos não podiam ficar de fora – eles trazem sofisticação além de combater os baixos graus.
 

Jogar um casaquinho por cima, aliás, é sempre o melhor segredo. Em uma cartela tão grande de agasalhos, onde bombers, cardigans, parkas, trench coats e moletons fazem a nossa cabeça, ousar na combinação dessas peças com o vestidinho é sucesso na certa!
 

Vamos nos inspirar?

Trend Alert: Botas Vermelhas

Inverno = botas, botas e mais botas. Depois das over the knee e as botas de glitter, quem aposta qual será a próxima febre pros nossos pezinhos?

Acertou quem disse as botas vermelhas! A peça, que tem sido muito vista por aí, se tornou um must-have no guarda-roupa. E, diferente do que se pensa, o calçado pode ser muito versátil. A cor pode dar um pouco de medo de primeira, acompanhado pelo receio de ser algo muito chamativo. Mas sempre dá pra trabalhar e encontrar a melhor forma de compor um look equilibrado, não é mesmo?
 

O segredo é montar o look pensando primeiro na bota. Como a gente vai ter um ponto de cor nos pés, o mais indicado é usar cores neutras ou apenas uma cor nas peças. Jeans e verde militar são muito bem-vindos na hora da combinação!
 

Sem mais delongas, deixo com vocês algumas imagens da botinha do momento!

Combo: Óculos + Acessórios de Cabeça

A gente sempre lembra por aqui sobre como os acessórios são peças importantes e essenciais   em uma produção. Hoje, vamos falar sobre uma tendência que está em alta há um tempinho e que eu, particularmente, tenho me tornado bem adepta, como vocês podem ver.

O combo acessório de cabeça + óculos chegou para fazer a cabeça das mais aficionadas por moda, e tem inspiração direta nos anos 80 e nos artistas de hollywood. Isso porque a composição boné, acompanhada de um óculos escuro, traz aquela vibe de “não quero ser reconhecido”, o que nos remete diretamente às celebridades.
O segredo é escolher um óculos bem “fashionista” para quebrar a masculinidade do boné. Equilibrar os estilos dos acessórios, quando postos juntos, é sempre o segredo. Pra não restarem dúvidas de que a tendência é sucesso, bora conferir algumas formas de usar? Duvido vocês não se apaixonarem!

Escolhendo a Bolsa Ideal

A gente sempre fala de como escolher a saia certa, a blusa certa, o vestido certo… mas, vocês sabiam que dá também pra escolhermos que bolsa cai melhor com o nosso tipo de corpo?
 

Por mais que muitas mulheres não saibam, tem uma regra bem simples pra gente escolher o tamanho de bolsa ideal. As consultorias de estilo apontam que o tamanho da bolsa tem que sempre ser proporcional ao tamanho do nosso quadril. Ou seja, a largura da bolsa deve se aproximar da largura dessa área do nosso corpo.
 

Isso porque, quando a bolsa é menor do que o quadril, o visual num todo dá a impressão de que essa parte é ainda maior, já que a bolsa está próxima dali para comparar. Já se a bolsa for muito maior do que o quadril, a impressão será de que o nosso bumbum é menor e até de que ficamos mais baixinhas.

Existe também uma regrinha simples para a altura das bolsas tiracolo: ela tem que pender entre a nossa cintura e o topo da nossa perna, bem abaixo do bumbum. Aqui, é mais fácil ainda de acertar, já que a maioria das alças são reguláveis e a gente sempre pode ajustar para que elas fiquem nessa altura exata.
 

Não dá mais pra errar, hein?!

Estilo de Celebridade: Lana Del Rey

Elizabeth Woolridge Grant. Se você não a conhece por esse nome, com certeza já ouviu falar de Lana Del Rey. A cantora criou seu nome artístico de uma forma bem curiosa: unindo o nome da atriz Lana Turner com o nome do carro Ford Del Rey! Dessa vocês não faziam ideia, né?
Lana é apontada, muitas vezes, como uma cantora de estilo único, bem diferente de tudo o que temos hoje no mundo da música. Isso porque ela é conhecida pelo seu estilo “cinematográfico, nostálgico e retrógado”. As músicas da cantora têm total inspiração no som das décadas de 50 e 60 e ela já virou uma referência no universo vintage, hipster e indie – muitas vezes, até comparada com as famosas pin ups do passado.
A própria já se descreveu como um “Nancy Sinatra gangster”, e, dentre suas influências, estão nomes como Amy Winehouse, Elvis Presley, Nina Simone, Billie Holiday, Nirvana, Green Day, Frank Sinatra, Bob Dylan, entre outros.
O sucesso de Lana começou com o lançamento do clipe da romântica “Video Games”, em outubro de 2011. A música foi escolhida como “Best New Track” (melhor faixa nova) pela Pitchfork Media e o EP do single chegou a 5ª posição no iTunes apenas algumas horas após seu lançamento. Os sucessos “Born To Die” e “Summertime Sadness” vieram logo depois, mostrando que Lana veio pra ficar. Tanto que “Summertima Sadness” rendeu a ela seu primeiro Grammy, na categoria “Melhor Canção Remixada”. Além disso, ela coleciona uma vitória na premiação da Billboard e indicações ao MTV Musica Awards e Globo de Ouro!
Atualmente, Lana está nas paradas de sucesso com a nova “Lust For Life”, uma parceria – que deu muito certo – com o The Weekend. Já conferiram o clipe super fofo com os dois?

Falando em estilo: assim como as suas músicas, o visual de Lana tem uma pegada vintage e suave. Calça e shortinho jeans, no maior estilo anos 90, são marca registrada da cantora – acompanhado de muitas cropped e t-shirts largadas. Pra completar, vestidinhos delicados, curtinhos e rodados, fazendo referência ao estilo pin up, ao qual seu nome é sempre remetido.