Como é ser loira?

Oi pessoal!  Vocês, com certeza, perceberam que eu tenho ficado mais e mais loira nos últimos tempos, né?
E, hoje, a gente vai falar exatamente sobre isso: os cuidados e as dúvidas de quem tem ou quer ter os cabelos loiros!
 

 

O que eu devo saber antes de descolorir?
O descolorante resseca sim o cabelo! Por isso, é importante fazer o procedimento com um profissional – ele vai saber desde o tempo correto para deixar o produto no seu cabelo, até o volume mais indicado de água oxigenada para utilizar.
Também é importante avaliar todo processo pelo qual seus fios passaram – algumas químicas não são compatíveis com o descolorante e podem acabar apodrecendo os fios e causando queda. Por isso, lembre de sempre contar todo seu histórico capilar para o profissional antes de mudar a cor, ok?
 

Qualquer cor de cabelo pode ser descolorida?
Pode sim! Mas, se o seu cabelo for muito escuro, é possível que você tenha que descolorir mais de uma vez para chegar no tom desejado. Essa é uma avaliação que também só pode ser feita por um profissional, que deve levar em conta, também, a resistência do seu fio para aguentar o descolorante.
 

Como eu cuido depois?
O indicado é fazer uma hidratação mais “power” pelo menos uma vez na semana! Mas, pra isso, não é preciso ir no salão: aplicar uma máscara com alto poder hidratante após lavar os cabelos já resolve.
Uma dica valiosa é que, muitas vezes, a gente pensa que deixar a máscara por muito tempo no cabelo vai fazer com que ele fique mais hidratado. Isso é mito, gente! É só cumprir o tempo exato que a embalagem indica, pois é o tempo necessário para o produto agir nos fios – depois disso, os nutrientes não são mais absorvidos pelas madeixas.
 

E para manter a cor?
Esse é um dos fatores que mais nos deixa insegura na hora de descolorir: a cor se desgasta com o tempo e o cabelo perde aquele brilho, deixando os fios amarelados e alaranjados.
O truque para minimizar esses efeitos é utilizar shampoo roxo ou cinza para lavar. Isso porque essas cores conseguem cancelar o amarelo e o laranja do cabelo, devolvendo a cor desejada.
 

Se eu me arrepender – dá pra voltar ao tom natural?
 
Sim! A vantagem é que os fios claros recebem mais facilmente qualquer coloração, por criarem uma base quase neutra – mas isso não significa que você possa passar qualquer cor no cabelo. É importante que uma avaliação seja feita na raiz do seu cabelo – assim, você vai saber o tom e sub tom dos fios, para não errar na hora de pintar.

5 comentários em “Como é ser loira?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *