Sem roteiro

O Que Levar na Mala de Viagem?

A gente sempre quer colocar o guarda-roupa inteiro na mala na hora de viajar com medo de não ter o que usar, né? Mas, muitas vezes, a gente leva muitas roupas e acaba não usando nem metade. Às vezes, só percebemos que levamos roupas que não combinam entre si ou que não são apropriadas para o clima quando chegamos no local.

Untitled 1

Como vocês sabem, eu viajo muito, e, depois de tantas experiências, acabei aprendendo algumas coisas básicas para não errar e não passar aperto durante a viagem. A ideia é criar uma mala funcional, prática, e que atenda as suas necessidades sem exageros. Aliás, a gente precisa de um espaço para trazer as comprinhas, né?

1. Antes de tudo, você tem que considerar o clima do local para onde você vai e os programas que vai fazer por lá. Mesmo sabendo a estação em que o país se encontra, é sempre bom dar uma pesquisada de como estão sendo os dias por lá. Existem lugares em que, mesmo no verão, as noites são frias.

2. Depois de verificar o clima, pare para pensar nos programas que você deseja fazer por lá – as suas roupas e sapatos também vão ter que se adequar a eles.

3. Agora é hora de pensar no tempo que você vai ficar por lá. A regra é clara: uma viagem de um mês exige muito mais peças do que uma viagem de uma semana.Untitled 6

4. Para começar a montar a mala, deixe tudo à sua vista. Se você pegar do armário e já colocar dentro da mala, você vai acabar perdendo a noção do que está ali dentro. Faça uma pré-seleção das peças e coloque todas em cima da cama, de modo que seja possível ver todas.

5. É hora de começar a escolher as peças de vez. E, para isso, existem algumas coisas que a gente não pode deixar de lado.

  • Escolha sempre peças que combinem entre si. Um bom modo de fazer isso é: escolher uma peça de baixo (short, calça ou saia) e a partir dela, escolher três partes de cima que combinem com ela. A quantidade varia, é claro, de acordo com o tempo da sua viagem, como falamos ali a cima. Mas, que tal pensar assim: escolha uma blusa para cada dia que Untitled 9você vai passar lá e, para cada três blusas, escolha uma parte de baixo que combine. Se você colocar um vestido ou macaquinho, tire uma blusa. Se você colocar três, tire três blusas e uma parte de baixo.
  • Para os sapatos, escolha modelos diferentes, sempre de acordo com o clima e os programas. Por exemplo, se você vai para um lugar quente, pegue um chinelo, uma rasteirinha mais incrementada, uma sapatilha ou uma sandália. Se o lugar é mais frio, opte por um tênis, uma bota, e um sapato fechado de salto. Não se esqueça de combinar com as roupas! Ou seja, o melhor é escolher peças de cores neutras.
  • Para locais frios, escolha três opções diferentes de casacos. Um sobretudo, uma jaqueta ou moletom e um casaco de lã ou tricô são uma boa pedida. Se tiver muito frio, dá pra usá-los juntos.Untitled 8
  • Você já vai levar uma bolsa com você durante a viagem – e, provavelmente uma grande, para prevenir todas as emergências que algumas horas de avião, carro ou ônibus podem proporcionar. Leve só mais uma, de tamanho menor, na mala, para te salvar naqueles dias em que você vai sair e só precisa levar a carteira e o celular. Aqui, vale a mesma regra da cor neutra para combinar com as roupas.
  • Acessórios não ocupam tanto lugar na mala, mas é sempre bom lembrar que você provavelmente vai comprar alguns por lá (a gente acha um anel ou um colar baratinho em todo lugar, né?). Aliás, pra que levar mil acessórios, se você não vai usar?
  • Para montar uma nécessaire também existem algumas regrinhas que podem ajudar. Não é preciso levar mil opções de basUntitled 7es ou de sombra para ficar bonita. Leve a sua nécessaire básica: aqueles produtos que você usa no dia a dia. Para incrementar e poder adaptar o make para a noite, coloque uma base de cobertura mais pesada, sua paleta de sombras preferidas, um iluminador e três opções de batom de cores diferentes.

 

6. Para terminar, aqui vai uma dica que eu já dei no post da Disney, mas vale a pena lembrar: se você for viajar no intuito de fazer muitas compras, leve uma mala vazia. Assim, você vai ter espaço de sobra para guardar as coisas novas e não vai precisar gastar dinheiro com outra mala por lá caso o espaço acabe.

large (9)

Programas para o Fim de Semana

Galera, vocês já pensaram no que fazer nesse fim de semana? Se você ainda não tem planos, dá só uma olhada nas sugestões que eu separei pra vocês.

 

CINEMA

Qualquer Gato Vira Lata 2Untitled 6

 Eu ri do começo ao fim nesse filme! Adorei! É a continuação da história de Tati e Conrado. Na sequência eles viajam para Cancún para participar de uma conferência para o lançamento do libro dele. Tati aproveita a viagem para pedir ele em casamento! Nisso, confusões acontecem e os exs namorados dos dois aparecem pra deixar tudo ainda mais complicado! 

 

 

Jurassic World – O Mundo dos Dinossauros em 3DUntitled 7

Esse eu ainda não vi, mas estou doida pra assistir! É o quarto filme da franquia Jurassic Park. Produzido por Steven Spielberg, a aventura retrata o que acontece quando a equipe de geneticistas começa a fazer experiências com os dinossauros, agora domesticados, do Jurassic Park. Os dinossauros, que antes eram atrações para os visitantes, se tornam uma ameaça para a existência humana. 

 

 

Poltergeist – O FenômenoUntitled 8

Assim como o outro, também estou querendo assistir esse. Um clássico do terror, também de Steven Spielberg, ganhou um remake esse ano. O filme conta a história de uma família que acaba de se mudar para uma nova casa. Lá, manifestações estranhas começam a ocorrer. O original é de arrepiar! Vamos ver se esse rende vários sustos também, né? 

 

 

SHOWS

Sábado

Show gratuito: Em Fortaleza (CE) tem Zezé di Camargo e Luciano e Cristiano Araújo, às 18h e às 20h respectivamente, no Aterro da Praia de Iracema (Avenida Historiador Raimundo Girão). Os shows são algumas das atrações do São João de Fortaleza. A classificação é livre.Untitled 9

Em Biguaçu (SC) tem Roupa Nova à 01h no Centro de Eventos Petry ( BR 101, Km 193). A Classificação é 16 anos e os ingressos custam de R$40 a R$60.

Diogo Nogueira vai estar em Curitiba (PR) às 21h15, no Teatro Guaíra (Rua Conselheiro Laurindo, 200). Os ingressos custam de R$31 a R$226 e a classificação é livre.

Em Jaguriúna (SP) tem a banda Malta no Red Eventos  Jaguriúna (Avenida Antárctica, 1530) às 22h. O preço mínimo do ingresso é R$40.

Tem Skank em Ipatinga (MG) na Usipa (Av. João Cláudio Teixeira Sales, 801). Os ingressos custam entre R$70 e R$120 e a classificação é 18 anos.

 

DomingoUntitled 6

Show gratuito: No Rio de Janeiro (RJ) tem o Viva Tim Maia, show para homenagear o cantor. Comandado por Ivete Sangalo e Criolo, a classificação é livre.

Untitled 12
Em Lagoa Seca (PB) tem Bruno e Marrone às 14h no Vila Forró (Vl Forro, 27). O ingresso custa R$50 e a classificação é 18 anos.

Em Porto Alegre (RS) acontece o Ressaca Samba Brasil, no Pepsi On Stage (Avenida Severo Dullius, 1995). O evento conta com Turma do Pagode e Jeito Moleque. Os ingressos custam de R$50 a R$90 e a classificação é 16 anos.

Em Queimados (RJ) tem Grupo Revelação às 15h no Recantus (Estrada do Lazareto, 179). O ingresso custa R$20 e a classificação é 18 anos.

 

E aí, gostaram das dicas? O que vocês vão fazer no fim de semana? Me contem nos comentários!

Rock In Rio 2015

Hoje começa um dos maiores festivais da música: o Rock In Rio, que comemora 30 anos. Aproveitando a comemoração, vamos conhecer alguns fatos interessantes da sua história? Os shows começam hoje, terminam no dia 27 e os ingressos já estão esgotados. 

22

O Rock in Rio é o maior festival de música latino e um dos maiores do mundo – fica atrás somente do Tomorrowland. A sua primeira edição, em 1985, teve o maior palco construído até a época: 5 mil metros quadrados! E não para por aí: o espaço ainda tinha fast foods, 50 lojas e centros de atendimento médico. O RiR se tornou tão famoso porque, até seu acontecimento, não era algo comum grandes nomes da música internacional fazerem shows na América do Sul.

 

Anos que marcaram o Rock in Rio

  • 1985: 1,3 milhões de pessoas assistiram a primeira edição do festival – o equivalente a cinco Woodstocks.
  • 1985: Um dos diferenciais do festival é que nele, a plateia também faz parte do show. Logo na primeira edição, o sistema de luzes não foi jogado apenas no palco, mas também na plateia. Era a primeira vez que público era iluminado em um show.
  • 1985: Em 15 de Janeiro de 1985, Tancredo Neves foi eleito presidente e a Ditadura Militar chegou ao fim. Naquela noite, o Barão Vermelho tocou “Pro Dia Nascer Feliz” no Palco do Rock In Rio, emocionando o publico e se tornando a trilha sonora perfeita para o momento em que o país se encontrava.
  • 1991: Lobão fez o show mais curto da história nesse ano: foram só 6 minutos! Isso aconteceu porque o público, querendo um som mais pesado, começou a vaiar o cantor sem parar, fazendo-o parar de tocar na segunda música e abandonar o palco. Ele até tentou voltar, mas o público começou a jogar objetos em sua direção.
  • 2011 e 2013: Já aconteceram dois casamentos no RiR! Em 2011 um casal trocou as alianças durante um show do Red Hot Chilli Peppers. Uma das meninas no local pegou o buquê e, adivinha só? Ela casou dois anos depois, também no festival.
  • 2013: Beyoncé encerrou a primeira noite do RiR 2013 e até dançou funk no palco, no maior estilo brasileira. Continuou diva!

  • 1985, 1991, 2001 e 2011: E ela não foi a única a homenagear a nossa música. Em 2001, Guns N’ Roses tocaram “Sossego” do Tim Maia na guitarra. Os Scorpions tocaram, na primeira edição, a marchinha “Cidade Maravilhosa”, hino do Rio de Janeiro. Em 1991, Santana tocou “Oceano” com o próprio Djavan. Já em 2011, Shakira chamou Ivete no palco e as duas cantaram juntas “País Tropical”.

Guns N’ Roses – Sossego

Scorpions – Cidade Maravilhosa

Santana e Djavan – Oceano

Shakira e Ivete Sangalo – País Tropical

 

Cuidados com o Cabelo

Hoje vim falar de assunto que vocês me perguntam MUITO: meu cabelo. Eu gosto bastante de mudar de cor e atualmente decidi ficar mais loira fazendo o Ombré Hair (aliás, depois me contem o que vocês acharam do novo look!). O meu cabelereiro, Elson Dias, conta direitinho todos os segredos do meu cabelo pra vocês:

 

 

OMBRÉ HAIR

O Ombré Hair é uma técnica para clarear o cabelo sem alterar a cor da raiz – os fios são clareados a partir da altura das orelhas, o que impede que a cor dois fios entre em contraste com a cor da sua sobrancelha. Ou seja, se ela for muito escura, não vai ficar muito pesado utilizando essa técnica. Ele cria um degrade no cabelo, aonde as pontas vão ficando cada vez mais claras e a ideia é apenas dar uma iluminada. Mas é importante lembrar sempre de hidratar o cabelo, pois o descolorante pode desgastar um pouco os fios. Uma das maiores vantagens do ombré é que o retoque não precisa ser muito frequente.

Existem ainda outras duas técnicas para clarear as madeixas: a Californiana e as Luzes.

Na Californiana o resultado buscado é o “cabelo de praia”, como se ele estivesse queimado do sol, então, as mechas são feitas só nas pontas do cabelo. As mechas também tendem a ser um pouco mais grossas do que as Ombré.

Já as Luzes são pequenas mechas que seguem desde a raiz do cabelo, se misturando com os fios de cor natural. É o indicado pra quem quer ficar completamente loira, não apenas com um toque da cor. Nesse caso, o retoque precisa ser mais frequente, pois quando a raiz cresce, a cor perde a uniformidade – o que não acontece no caso do ombré e da Californiana.

 

MATIZAÇÃO

Como o Elson disse no vídeo, é também necessário fazer a matização antesde realizar o procedimento de coloração. A matização é um processo que ajuda a neutralizar ou intensificar a cor dos fios, preparando eles para receber melhor a futura coloração, ajudando assim, a chegar no tom desejado.

Untitled 2

Alimentos do Bem

Galera, tenho que confessar uma coisa: eu realmente não sou adepta a fazer dieta! Mas, é sempre bom comer alimentos que fazem bem, né? Seja pela saúde, pelo bem-estar e até pela beleza. Por isso, vim compartilhar com vocês dicas de alguns alimentos que são gostosos e super benéficos.

 

Para dar energia

01

Existem alguns alimentos que nos ajudam a ter disposição o dia inteiro. O açaí, as amêndoas, bananas, cereais integrais, linhaça e o mel são fonte de energia e tem pouco teor de açúcar.

 

Para se sentir bem por dentro e por fora

02

Azeite: Quando ingerido, diminui o ressecamento da pele e até ajuda na redução de cravos e espinhas. E, sabia que também dá pra hidratar as cutículas com o ingrediente? É só mergulhar a ponta dos dedos em azeite de oliva morno por alguns minutos e enxaguar com água. Pronto, cutículas ressecadas nunca mais!

Laranja, limão e alimentos cítricos: Esses são ricos em vitamina C e, por isso, ajudam a retardar o envelhecimento.

Mamão: Possuí vitamina A, ajudando a manter a pele aveludada e tem efeito anti-acne.

Frutas vermelhas: Também fortalecem os cabelos, as unhas e fazem bem para a pele.

Maçã: Fortalece o sistema imunológico e contém substâncias que previnem câncer.

Peixes: Salmão, atum e sardinha tem Ômega 3, diminuindo os níveis de triglicérides e o risco de arritmias.

Chia e linhaça: Para quem não come peixe, são essas as alternativas de fonte de Ômega 3.

Couve: Rica em oxidantes, vitamina A e E. Diminui a gordura e a formação de placas de colesterol. Além disso, ajuda na circulação.

 

De boca limpa

03

Você sabia que existem alimentos que ajudam na saúde bucal? A Castanha-do-pará possuí um óleo natural que protege contra as bactérias que podem escurecer os dentes. As fibras da maçã ajudam a limpar os dentes, assim como o ácido málico presente no morango que, além disso, elimina as manchinhas superficiais. O pepino limpa, remove bactérias e também ajuda a eliminar manchas.

 

Doce é sempre bom, né?

Mas tem aqueles que a gente pode consumir à vontade por serem mais saudáveis.

04

Gelatina: É rica em proteínas, o que ajuda na renovação do colágeno e auxilia na redução dos níveis de colesterol, triglicérides e controla a glicemia. É gostosa, fácil de fazer e oferece vários benefícios.

Frutas em calda ou compotas: Tem baixa caloria, são bem docinhas e ricas em vitaminas.

Chocolate: O cacau ajuda a diminuir as placas de colesterol e reduz o risco de infarto. Mas lembre-se: prefira os amargos.